Rapidinhas

kobayashiE a Toyota falou hoje, através de seu porta-voz oficial, que estão se esforçando ao máximo para que Kobayashi, a sensação do campeonato deste ano, ache uma equipe para correr no campeonato do ano que vem. Durante este período, o piloto seguirá sob contrato com a Toyota, como parte integrante do programa de jovens pilotos da marca. Fala porta-voz:

“Faremos o que pudermos para lhe dar a oportunidade de pilotar na F-1, mesmo que isso signifique que ele tenha que assinar com outra empresa”, afirmou.

Além disso, a montadora japonesa falou ainda sobre a situação de sua fábrica na Alemanha. Pelo visto, aquela história dos funcionários e a preparação para correr em Le Mans pode mesmo acontecer.

“Pretendemos converter o TMG [Toyota Motorsport GmbH] em uma empresa que sirva como base para a Toyota Motorsport na Europa. Os detalhes ainda não estão decididos.”

“Para todos os funcionários que não são mais necessários, vamos preparar o que acreditamos ser um bom pacote de benefícios de reforma e assistência na procura de um novo emprego.”

Viu só, tô ficando bom em descobrir segredos!

Já outro assunto que não dá muita pinta por aí, mas é de extrema importância para os pilotos brasileiros, é a volta da Petrobrás como fornecedora de combustível na F1. O desejo da empresa é apoiar uma equipe que tenha condições de ser competitiva e, ao mesmo tempo, utilizar os motores Cosworth. Se for seguir uma linha de pensamento, a Williams seria essa equipe, mas a Petobrás ainda não decidiu qual vai ser a equipe a estampar o adesivo com as suas marcas.

A empresa tem conversado também com as equipes novatas para depois sentar e decidir o seu futuro. Não duvido nada que toda aquela história de Petrobrás apoiar Senna vai voltar para o noticiário.

Como disse Téo José, “a Campos deve ter, sim, patrocinadores interessados no mercado brasileiro”. Só isso.

Já Luca di Grassi andou conversando com a Manor, mas a equipe já avisou que precisa de grana para fechar o orçamento, um pequeno detalhe que ele e eu não temos.

Mas quem sabe eu não pego um empréstimo? Niki Lauda vez isso oras!

Abraços

Anúncios
Esse post foi publicado em Bruno Senna, Campos, Campos Meta, Cosworth, Esportes, formula um, Kobayashi, Lauda, Notícias, Notcias, Petrobrás, Rapidinhas, Toyota, Williams e marcado . Guardar link permanente.

3 respostas para Rapidinhas

  1. Pipe disse:

    O japa merece mais uma chance, também estou na torcida. E tomara que o Di Grassi também arrume uma vaguinha, o cara já tá penando aí há um tempo pra entrar na brincadeira, e pilotagem ele tem pra isso.

    Curtir

  2. Pingback: Trackback

  3. Master Marcos disse:

    Kobayashi realmente surpreendeu nas duas últimas provas do ano, pela agressividade na pista. Espero que ele esteja na F1 em 2010.

    Curtir

Os comentários estão encerrados.