MotoGP: Pedrosa vence o GP da Alemanha

De forma brilhante, Daniel Pedrosa venceu o GP da Alemanha, em Sachsenring. O líder do Campeonato Jorge Lorenzo foi segundo e Casey Stoner terceiro, à frente do corajoso Valentino Rossi.

A prova teve que ser interrompida na 9ª volta, quando Randy de Puniet (LCR Honda) sofreu uma queda na Curva 4 e acabou levando com ele Álvaro Bautista (Rizla Suzuki) e Aleix Espargaró (Pramac Racing). Ambos não conseguiram desviar da moto o gaulês, que chegou a pegar fogo. Puniet fraturou a tíbia direita e a fíbula e não se sabe ainda o tempo de recuperação do piloto.

Depois de 25 minutos de paralisação, a prova teve nova largada, com Pedrosa mais uma vez pulando na frente e Lorenzo logo atrás. Stoner vinha em terceiro, com Rossi e Dovizioso lutando pelo quarto lugar.

Lorenzo seguido de Pedrosa, Stoner e Dovizioso.

Lorenzo e Pedrosa promoveram um grandioso espetáculo, já que ambos os pilotos trocaram de posição diversas vezes durante a prova. Porém, Pedrosa estava melhor na prova e bateu por duas vezes o recorde do circuito, sempre virando de forma consistente na casa dos 22 baixo.

A briga entre Pedrosa e Lorenzo durou toda a corrida.

Mais trás, Simoncelli, Dovizioso e Nicky Hayden vinha brigando ferozmente pelo quinto lugar. O estreante Simoncelli acabou perdendo a posição para os dois pilotos, após errar na entrada de uma das curvas. Enquanto isso, Rossi disputava lado a lado com Stoner o terceiro lugar.

Marco Simoncelli, Andrea Dovizioso e Nicky Hayden promoveram uma grande disputa pelo quinto lugar.

Rossi e Stoner na briga pelo terceiro lugar.

Pedrosa cruzou a linha de chegada em primeiro, com 3,355s de margem sobre o líder do Campeonato, Jorge Lorenzo. Stoner conseguiu se defender dos ataques de Valentino e chegou em terceiro, com o multi campeão logo atrás.

Dovizioso foi o quinto, com Simoncelli a conseguir o seu melhor resultado na categoria, chegando em sexto. A dupla americana Hayden e Ben Spies (Monster Yamaha Tech 3) ficou em sétimo e oitavo, respectivamente, com Héctor Barberá (Páginas Amarillas Aspar) e Marco Melandri (San Carlo Honda Gresini Team) a completando o Top 10.

Dessa forma, Lorenzo soma agora 185 pontos, bem à frente de seu compatriota, Dani Pedrosa, segundo colocado com 138. Dovizioso permanece em terceiro, com 102. Os pilotos da Ducati fecham o rol dos cinco primeiros da classificação na temporada. Stoner está em quarto, com 83 pontos, cinco a mais que Hayden. Valentino Rossi, que impressionou à todos com o seu bom retorno à pistas, acumula 74 e é o sexto colocado.

Jorge Lorenzo segue na liderança do campeonato.

Foto do dia: Ainda de muleta, Rossi se preparando para a corrida de ontem. Isso sim é vontade.

A próxima etapa da MotoGP será o GP dos Estados Unidos, no tradicional circuito de Laguna Seca, na Califórnia. A corrida acontecerá no próximo domingo, dia 25 de julho.

Abraços

Anúncios
Esse post foi publicado em De Puniet, Dovizioso, Ducati, Esporte, Esportes, Hayden, Honda, Lorenzo, Moto GP, MotoGP, Notícias, Notcias, Pedrosa, Rossi, Simoncelli, Stoner, Suzuki, Yamaha e marcado , . Guardar link permanente.