Rapidinhas: Barrichello na Stock

Deve ser a notícia do mês. Saiu hoje no Globo Esporte uma matéria informando que Barrichello vai participar da última etapa da Stock, a corrida do milhão, que acontecerá em Interlagos. O piloto vai correr pela equipe Full Time-Medley, que tem uma vaga aberta depois que Marcos Gomes foi suspenso por doping. Na matéria e os releases que a imprensa especializada recebeu, Barrichello e a equipe, falam que o cachê  ganho será doado para o Instituto Barrichello Kanaan, que ele mantém com o amigo Tony Kanaan para ajudar crianças, jovens e adultos carentes.

Por outro lado, existe alguns sites que já dão como certa a participação de Barrichello nas 3 últimas etapas da categoria. Acho que as 3 últimas são Curitiba, Brasília e essa do 1 milhão de dinheiros. Seja lá como for, muita gente já fala que ele vai mesmo correr na categoria no próximo ano, até porque Barrichello já não contará mais com o patrocínio que ele arrumou para este ano.

Porém, vários sites, jornais e revistas falam que Barrichello irá continuar na Indy como piloto oficial da Honda. A montadora japonesa ficou satisfeita com o trabalho realizado pelo brasileiro no campeonato americano, embora ele tenha tido um ano de adaptação e teve apenas resultados discretos.

“Não pensava que a adaptação se estendesse tanto tempo. As pessoas falam do meu primeiro teste, em Sebring, quando fui muito rápido. Mas eu treinei lá cinco dias. Tive de reaprender a pilotar este ano, por ser distinto de tudo o que fiz até hoje”, ressaltou Barrichello.

Vale salientar que o brasileiro defendeu o time nipônico na Fórmula Um. O piloto desconversou quando foi perguntado pelo assunto, dizendo que há várias coisas acontecendo ao mesmo tempo e que só iria se pronunciar quando a negociação fosse oficial.

Agora, o que mais me chama a atenção é a quantidade de gente falando sobre o que o cara vai fazer no ano que vem, mostrando assim que o piloto ainda é um dos nomes mais importantes no país quando o assunto é automobilismo. E tem um detalhe que passou despercebido, mas que agora começa a fazer algum sentido: Barrichello participou de vários programas da Rede Globo nos últimos meses e seu nome nunca deixou de aparecer nos programas esportivos da emissora, mesmo que a Indy seja transmitida por emissora concorrente, no caso a Band. Então, eu acho que já havia algo “acertado de boca” entre o piloto e a Stock.

Fora o último parágrafo, o que eu acho? Acho nada, foi só para deixar meus 7 leitores ficarem a par da situação.

Anúncios
Esse post foi publicado em Barrichello, Esporte, Esportes, Honda, Notícias, Rapidinha, Rapidinhas, Stock Car e marcado , , , . Guardar link permanente.