“conto de fadas”

Fórmula Total

Este post eu retirei do site AutoSport português. A história a seguir mostra como o melhor fica as escondidas e que só lendo os livros sobre o esporte é que ficamos sabendo dos fatos mais curiosos.

Rubens Barrichello não quis comentar, mas assistiu à briga de camarote, perplexo e de olhos arregalados. Ela aconteceu na sua frente, no boxe de sua equipe, a Jordan, logo depois do GP do Japão, em Suzuka, o penúltimo da temporada de 1993. De um lado, Senna. De outro, seu companheiro de equipe, o irlandês Edie Irvine, estrela acidental da corrida por ter protagonizado uma cena inédita.

Irvine disputava a sexta posição com Damon Hill, quando Ayrton, o líder da prova, se aproximou para colocar uma volta de vantagem sobre eles. Irvine não apenas resistiu à ultrapassagem durante algumas voltas. Depois que Senna o passou, ele voltou a ultrapassar Ayrton, em uma série de manobras…

Ver o post original 433 mais palavras

Anúncios
Esse post foi publicado em Esportes. Bookmark o link permanente.